11 - 3284-8209    Endereço Rua Carlos Sampaio, 304 conj. 82. Bela Vista. São Paulo, SP.

O QUE É ESTRESSE?

Estresse é um estado de tensão que causa ruptura no equilíbrio interno do organismo. Além de enfraquecer o sistema imunológico, deixando o organismo propenso às doenças.

Quando conseguimos utilizar estratégias de enfrentamento para restabelecer a ordem interna, o Estresse é eliminado e voltamos ao equilíbrio.

O Estresse não aparece repentinamente. É um processo gradual de resposta à experiências e acontecimentos vividos. 

O Estresse pode ser classificado em Fases:

1)Alerta: Quando o organismo  é  exposto a uma situação produtora de tensão, então  o organismo se prepara para a ação, através da  mobilização de alterações bioquímicas. Assim, ocorrem alguns sintomas, como tensão muscular, taquicardia e insônia.

2)Resistência: Quando a pessoa utiliza  sua energia adaptativa para se reequilibrar. Ocorre uma quebra da homeostase interna e alguns sintomas podem ocorrer como: dificuldade com a memória, cansaço. À medida que o equilíbrio é atingido , alguns sintomas iniciais desaparecem. Contudo, se a pessoa continua exposta a condição geradora de estresse ela utiliza sua energia que poderia ser usada para outras funções do organismo.

3)Quase-exaustão: o organismo, exposto por um longo período ou por uma alta intensidade de tensão, começa a adoecer. Alguns sintomas aparecem como: dificuldade em tomar decisões, alteração do humor, ansiedade, sintomas depressivos podem ocorrer. A pessoa experimenta uma forte alteração emocional. E as doenças começam a se desenvolver ou então, se a pessoa já apresenta alguma doença, ela pode ter uma piora.

4)Exaustão: É a fase mais acentuada do estresse. Ocorre uma exaustão física e psicológica. O organismo está desgastado e as doenças aparecem com muita freqüência. A depressão é muito comum nesta fase.

O que pode causar estresse?

Eventos que geram tensão emocional e ou mental, os quais podem ser chamados de estressores.

Estes estressores podem ser Externos e Internos. Às vezes um mesmo evento causa reações diferentes dependendo da pessoa, conforme à sua vulnerabilidade e à interpretação que cada um dá ao acontecimento.  

Estressores Externos, podem ser eventos de vida: acidentes, morte, brigas, situação política e econômica do país, promoção no trabalho, dificuldade financeira, nascimento de filho, doenças entre outros que podem ocorrer na vida de uma pessoa. A gravidade do estresse irá depender da interação de vários fatores, como a intensidade do estressor, as estratégias de enfrentamento disponivéis pela pessoa, a vulnerabilidade pessoal, a resiliência e o momento. Por exemplo: a pessoa pode lidar muio bem com uma perda em um determinado momento de sua vida e em outro momento pode não conseguir lidar com a perda, dependerá da interação dos vários fatores que a pessoa esteja vivenciando naquele momento.

Muitas vezes não há causa  aparente de estresse, porém há fatores internos que podem gerar estresse, os estressores internos.

Estressores Internos: as pessoas podem criar estresse com seu próprio pensamento, negativismo, perfeccionismo, pressa, conflitos e o modo de ver o mundo.  

 

DICAS

Algumas dicas para vencer o estresse

1. Faça uma dieta balanceada. Alimentos ricos em frutas, legumes e fibras combatem os radicais livres responsáveis por diversas doenças.
2. Pratique exercícios com regularidade. Caso tenha pouco tempo, procure fazer caminhadas de 30 minutos diariamente.
3. É importante fazer algum tipo de relaxamento, principalmente antes de dormir.
4. Procure trocar os seus pensamentos negativos por pensamentos mais adequados e condizentes com a sua realidade, sendo assim, seu humor ficará melhor.
5. Quando estiver em meio a um problema difícil de resolver, pare por alguns minutos e fixe sua atenção numa planta ou pense numa cena agradável.
6. Priorize suas atividades do cotidiano. Anote os tópicos em uma agenda; os mais importantes em primeiro lugar.
7. Expresse seus sentimentos e ideias com o cuidado para não magoar o outro.
8. Procure ter um espaço na sua casa para que você possa ficar sozinho de vez em quando.
9. Atividades de lazer são importantes para amenizar sua rotina.